{Resenha} A Menina Mais Fria de Coldtown - E vamos de romance vampiresco! - Hospicio Nerd

Oi leitores, tudo bão?

A resenha de hoje vai ser uma dupla implacável, apaixonante e “clichê” até, mas uma delicinha para os amantes de sobrenatural, muita ação, treta, sangue e vingança.

A menina mais fria de Coldtown por [Holly Black]

Amazon

A autora é a Holly Black, já avisando que amo o instagram dela e vou deixar no final do post, hein! Ela é super carismática e para completar essa autora incrível de fantasia ela tem orelhas de elfo! Sim, cirurgia. A menina mais fria de Coldtown foi lançado em 2014 e possui 446 páginas para o nosso deleite pela editora Novo Conceito.

O livro tem como foco a  vida de Tana, uma adolescente “normal” para a atual realidade em que ela se encontra onde os vampiros saíram de seus “caixões” e possuem até reality shows! Eles vivem em cidades isoladas chamadas Coldtowns, e são lindíssimos (beleza imortal, não é queridos?), a nossa jovem, vai a uma festa com os amiguinhos e com o PT de cachaça que ela deu, acordou somente no dia seguinte.

Para piorar a vida dela, Jana descobre que no meio da noite houve uma chacina e o imbecil do seu ex continua vivo, porém infectado, e um vampiro bonitão que precisa ser ensacado para sobreviver a luz do sol.

Tana vai com os outros dois sobreviventes da festa para uma Coldtown em busca de uma forma de ajudá-los e lá descobre que o mundo perfeito que é mostrado na televisão (que sua irmã caçula idolatra) não é tão perfeito assim.

O livro foi super gostoso de ler, levei uma semana pelo menos e ainda fiquei com gostinho de quero mais com o final mais improvável de todos e de longe foi um dos melhores livros de vampiros que li. Avalio ele em cinco flavitos.

Adendo: Se você é leitor assíduo do nosso hospício e gosta dos nossos conteúdos trazidos com muito carinho, temos agora uma forma de você nos ajudar! Apoie seu setor Preferido!

 

Deixe seu Comentário

Este artigo não possui comentários