{Resenha} Blood Of Zeus - A guerra pelo Olímpo! - Hospicio Nerd

Hello Peoples!!

Hoje lhes trago a resenha sobre o anime Blood of Zeus (O sangue de Zeus), sua primeira temporada está disponível desde 27 de outubro de 2020 na Netflix. Podem ficar tranquilos, não haverá spoilers, mas já deixo claro que a Guerra é o ponto forte!

Uma criação de Charles Parlapanides e Vlas Parpalanides, produzidos pela Netflix e Powerhouse Animation, contém em sua primeira temporada, 8 episódios contendo sua duração entre 25 e 37 minutos. Mesmo sendo uma série “Animada” sua classificação é para maiores de 18 anos (tirem as crianças da sala), contendo altos índices de violência.

O Sangue de Zeus : Foto

Netflix / AdoroCInema

No seu elenco contamos com as vozes de: Derek Phillips como Harion, Jason O’Mara como Zeus, Claudia Christian como Hera, Mamie Gummer como Electra, Jessica Henwick como Alexia, Elias Toufexis como Seraphim, Chris Diamantopoulos como Evios / Poseidon, Adetokumboh M’Cormack como Kofi, Matthew Mercer como Hermes, Melina Kanakaredes como Ariana, Danny Jacobs como Rei Periander, Matt Lowe como Ares/ saldado demônio,  Adam Croasdell como Apollo, Jennifer Hale como Handwaid/ Clotho, David Shoughnessy como Quíron a Voz, Fred Tatasciore como Merchant / Hades.

Pelo nome já se pensa que será citado, algo sobre algum filho de Zeus e não estamos errados ao pensar nisso, ele narra a História de Haron, um plebeu,  que descobre ser filho de Zeus e tem uma indispensável missão de salvar céus e terras de um exército demoníaco. A história acontece na Grécia antiga,  onde se nasce as histórias de Zeus e o Olimpo. Envolvendo-se entre deuses e mundo humano, a história relata as diretrizes perfeitas do Heróis semideuses, Heron, um rapaz quase excluído , dedicado a mãe,  mas que tem habilidades que o destacam dos demais, bem clichê,  mas esse é o ponto heróico da cultura grega. Heron era um filho dedicado que não se importa com mais nada além da segurança de sua mãe.

O Sangue de Zeus : Foto

Netflix / AdoroCInema

Com um gráfico maravilhoso e bem fiel ao estilo grego antigo, como se é descrito nas histórias de Grécia antiga, a qualidade de imagem, o sombreamento e a história nos leva ao mundo que ele descre. A fala os personagens, o drama e a extrema violência que faz jus ao que se descreve (Lembrando,  não é “desenho” pra criança). 

No episódios iniciais, Alexia, uma amazona, é perseguida pelo grupo de Seraphim (líder dos demônios) , tudo em prol do levante dos gigantes e na ordem De Hera, que odeia Heron e sua mãe,  ja vai pensando no quāo tenso é.!! Maaaaaas não irei contar mais nada, daqui em diante, ou teremos muitos spoilers não é mesmo? (E a tia está com a língua solta, ou melhor, os dedos).

Então,  sem mais papo, para os amantes de animes e principalmente das histórias dos Deuses antigos, lhes recomendo, ligar na maravilhosa Netflix, pegar sua pipoca e assistir essa louca, fantástica e violenta aventura que é BLOOD OF ZEUS !!!

Deixe seu Comentário

Este artigo não possui comentários