{Resenha} Borat Subsequent Moviefilm - Ele está de volta! - Hospicio Nerd

Jangshemash!

Finalmente, depois de 16 anos, Borat Sagdiyev, o segundo melhor repórter do glorioso país Cazaquistão está de volta às telonas (ou melhor, às telinhas mesmo). Depois deste longo hiato, Sacha Baron Cohen volta à pele do inusitado repórter para viver novas aventuras, e desta vez, não está sozinho, pois vem acompanhado de Maria Bakalova, na pele de sua filha, Tutar

Lançado na plataforma da Prime Video, Borat Subsequent Moviefilm traz aspectos similares ao primeiro filme, mas consegue evoluir o produto, introduzindo uma história mais estruturada, com arcos de personagem e trama mais definidos.

O roteiro é assinado por Baron Cohen (entre outros), que também produz o filme e a direção é de Jason Woliner (Parks and Recreation).

Borat 2 | Stream and Watch Full Film Online

(Fonte: DigitalSpy)

A narrativa é fiel ao primeiro, mantendo o estilo mockumentary (documentário/comédia), porém inclui mais momentos dramatizados. É possível notar a evolução do conceito, trazendo uma história melhor, mais palatável e mais agregadora.

Mas o filme está longe de ser fácil. Borat agora acompanhado de sua filha continua a trazer momentos de puro choque e constrangimento; vergonha alheia continua sendo a palavra de ordem. Além disso, o machismo e antissemitismo de sua cultura (fictícia) estão explicitados aqui em cada minuto do longa.

Borat 2: Amazon Drop Sequel Early, Opposite Final Presidential Debate

(Fonte :CBR)

Entretanto, se antes o personagem fazia uma caricatura do produto de uma cultura diferente, que chocava e envergonhava os outros, aqui Borat inova e ousa debochar da própria cultura americana. De forma inocente, porém sarcástica, o personagem de embrenha no esgoto dos preconceitos americanos, reforçando-os e trazendo-os a luz. Apesar do filme ser unilateralmente direcionado contra um partido político específico e, portanto, contra uma única forma de pensar que não pode ser generalizada a todos que seguem esta vertente, o que vemos aqui é chocante, aterrador e pior, real.

Se lembrarmos que praticamente todos que aparecem no filme não são atores, mas pessoas comuns que realmente acham que estão participando de um documentário, as reações e declarações que vemos são assustadoras.

Há até políticos famosos sendo levados a situações de extremo constrangimento e até imoralidade, onde chega a ser difícil de acreditar que o filme conseguiu extrair tais momentos de forma natural, pois novamente, ninguém sabia se tratar do segundo filme de Borat.

Borat 2' reviews are in. Here's what critics think of it. - Entertainment

(Fonte: Mashablesea)

Apesar de todo o mar de lama que o filme nos leva, ao abordar um lado bizarro da cultura americana, também há momentos de alívio e doçura, quando o filme mostra que também há pessoas de muita bondade, gentileza e que se importam em ajudar o próximo.

É muito bom atestar que Borat em seu segundo filme evoluiu o conceito, abordando temas polêmicos com ainda mais coragem, ousando dividir o protagonismo e aprofundando a narrativa com direito até a plotwist, mas também se tornou mais humano, apesar de pegar pesado na crítica.

O filme está dando o que falar na mídia internacional pelas suas polêmicas, mas finca de vez o nome do excêntrico repórter Kazack na história do cinema ,e é muito bom vê-lo e volta!.

Chenquieh!

Deixe seu Comentário

Este artigo não possui comentários