(Resenha) Kardec - A história por trás do nome! "Esplêndido"! - Hospicio Nerd

INHAI TUXOS E TUXAS DE LUZ OF MY LIFE!

Mais  do  que  merecido  esse  ano,  foi  o  fato  da  história de Allan Kardec ou se preferir o Professor e educador  francês  “Hypolite Leon Denizard Rivail”  estar  agora nas telinhas dos cinemas e posteriormente estará em todas as emissoras de TV! Para os que comungam dos preceitos  da  doutrina  espírita,  o  filme  é  um  bálsamo  esclarecedor,  para  quem  já teve contato  ou  conhece,  é um esclarecimento e para aqueles que duvidam ou não entendem, com  certeza é a alavanca da curiosidade que os levará a conhecer esse trabalho lindo deste grande codificador de todos os tempos.

Com  uma  ficha  técnica  de  dar  gosto,  a  biografia  de  Marcel Souto Maior ganhou  vida cinematográfica  sendo  dirigida  pelo  nosso  amado  Wagner de Assis, o mesmo de Nosso Lar e A menina índigo,  entre outros do gênero. A distribuidora Columbia Tristar arrasou em tudo,  inclusive na escolha de um elenco coerente, contando com Leonardo Medeiros (Allan Kardec),  Sandra  Corveloni  (Amélie-Gabrielle  Boudet),  Genézio  de  Barros  (Padre Boutin), Dalton Vigh (Merciê Dufaux) e muito mais. Conhecido por ter decodificado o espiritismo, uma das religiões mais praticadas no Brasil e  composta  por  cinco  livros que compõem a Codificação da Doutrina Espírita, entre eles: “O Evangelho Segundo o Espiritismo”,  “O Livro dos Espíritos” e o “O livro dos Médiuns”, a vida do tradutor  e  escritor Kardec, com estréia marcada para 16 de maio desse ano, é mostrada numa  realidade  que foi enfrentada na época por ir contra os conceitos sociais e religiosos. Mostrando  a  dura realidade que é o comportamento do homem perante ao novo, seja ele em qualquer ponto dos vários tópicos da vida em si.

Resultado de imagem para kardec o filme a queima dos livros

Mesas  girantes, médiuns de efeito físico, médiuns de psicofonia e psicografia, entre outros, são  o  motivo da longa pesquisa do Professor Rivail para explicar tais fenômenos da França de  1857,  onde  uma  senhora  faz  um  lápis  escrever dentro de um cestinho, uma jovem é usada  pela  sua  voz  para  trazer  as  mensagens  do espírito da verdade e duas garotinhas psicografam  alternadamente,  resultando  todas  as  três  comunicações  ao  mesmo tempo numa mesma conclusão.  Não foi algo inventado, foi algo experimentado e comprovado na época.

Cenário  de uma Páris do século 19, um figurino impecável, locações muito bem escolhidas, sem  contar  com  um  trabalho  da  Sony Pictures,  da Conspiração filmes e de uma equipe  fantástica  de  iluminadores,  efeitos  especiais,  texto,  maquiagem e muito mais envolvidos nesse projeto tão maravilhoso.

Resultado de imagem para cenas do filme kardec

Traz  o  esclarecimento  do  nome  Allan Kardec  usado  pelo  Professor  Rivail para assinar a Codificação  do  Espiritismo na dimensão material. Um filme bem feito, com uma adaptação resumida  da  vida  deste  estudioso  ser  humano  que  revelou ao mundo a inexistência da morte, um dos maiores mistérios da vida!

Nós  do  Hospício  indicamos  que  você,  sendo  ou não espírita, vá ao cinema conferir essa obra  de  arte  e  super  produção  que a Columbia Tristar Pictures está trazendo para todos nós,  em  parceria  com  a  Sony  Pictures  e  a  Conspiração  Filmes.  Um filme esclarecedor, emocionante  e cheio de citações iluminadas que vão te fazer pensar bastante sobre a vida! #CHOCOBJS

Confiram o trailer e se emocionem antes de ver o filme:

Deixe seu Comentário

  1. Rose dangelisResponder

    Com certeza vou ver Allan Kardec,amei a homenagem