{Resenha} The Last Kingdon (3° Temporada) - Odeio adaptações! - Hospicio Nerd

O destino é INEXORAVEL!

Cara eu estava ansioso para fazer essa resenha, pensei que falaria bem de tudo mas para minha decepção mais uma vez a adaptação fez uma merda gigante! Lembrando que a resenha nada mais é que o meu sentimento de forma escrita, então bora resenhar!!!

Resultado de imagem para the last kingdom season 3

Caso alguém não saiba, a seria eh uma adaptação das Crônicas Saxônicas, de Bernard Cornwell, a saga de Uhtred tem até o momento dez livros, se ainda não os leu faça isso pq são muito bons, obviamente que toda serie adaptada de algum livro tem que mudar algumas coisas, eu gostei por exemplo de como.deixaram o padre Beocca mais guerreiro e saudável, o do livro tem todo um lado do corpo paralisado, e mesmo não gostando muito da escolha do ator que dá vida ao Uhtred eu o aceitei, nos livros o personagem é loiro, até o fato dele ter ganho de presente seu colar do martelo do Thor e não ter ganho na pancada eu tolerei. Terem deixado o Finam bonito? Tá de boa! Mudar a frase “O Destino é Inexorável'” que eu tenho até tatuado em minha perna para “O Destino é tudo!”, tudo bem, é foda mas eu aceito! Haesten ser gordo e velho? Dane-se! Adaptações não precisam seguir nada à risca, George Martin sempre diz isso sobre Game of Thrones, a serie é a série e o livro é o livro, mas tem coisas que fodem tanto que precisam ser ditas!

Resultado de imagem para the last kingdom season 3

Essa temporada continua com seu belo visual, lutas bem ensaiadas, piadinhas bem encaixadas e o dilema de sempre, Uhtred é saxão ou dinamarquês? Esse terceira temporada bebe direto da fonte do quinto livro “Terra em Chamas” com uma bela dose de “Morte dos Reis” que é o sexto livro. A série não entedia em momento algum, seu roteiro é bem feito e encaixado, fazendo com que a série seja tão fácil de maratonar. Os protagonistas mandaram bem em seus papéis, Uhtred e Alfredo continuam sendo o contra ponto um do outro mostrando que eles se odeiam e se admiram com a mesma intensidade.

Resultado de imagem para the last kingdom season 3

A apresentação de novos personagens foi extremamente bem elaborada e desenvolvida, nossa querida senhora da Mércia Aethelflaed teve bem mais destaque esse ano mostrando um pouco da força da personagem, e seu marido Aethelred que é um covardão nojento nos livros foi muito bem feito na série já que a vontade que tenho é de pular na tela e arrebentar o cara, Eduardo também teve seu espaço para evoluir, já que mais uma vez a Inglaterra está sendo ameaçada pelos pagãos, Alfredo já está nas últimas por causa de sua doença, e ver a fraqueza de um rei tão formidável agita os inimigos. E por um tempo Uhtred ficou tentado a ser um desses inimigos, mas sua honra sempre o prende aos seus juramentos.

Resultado de imagem para the last kingdom season 3 shield wall

Alguns personagens não se destacaram tanto mas estiveram presentes em alguns momentos que fizeram muito diferença, são coisas bem sutís que podem até passar despercebidos, por exemplo o Osferth, filho bastardo do Alfredo que é um monge jurado ao Uhtred, é interessante ver a ligação dele com a família, como o fato de ser muito carinhoso com sua irmã Aethelflaed e do desprezo ou tristeza em relação ao seu irmão Eduardo, eu até entendo o lado dele, afinal de contas ele é o filho mais velho, bastardo, mas é o mais velho e todo momento mesmo que só com o olhar busca a aprovação de seu pai, e agora de seu senhor. Outra personagem nessa categoria é a Gisela, que eu lia realmente como estava escrito mas que o correto é “Guisla”, que teve apenas alguns minutos de tela mas que trouxe muita emoção.

Resultado de imagem para the last kingdom personagens terceira temporada

Do outro lado temos um personagem maldito que teve um puta destaque que não merecia, Aethelwold, um nojentinho borra botas que é até menos odioso nos livros, mas que na série pqp, tenho que dar os mais sinceros parabéns ao ator Harry McEntire, seu trabalho foi foda, todos te odeiam! Joffrey ficaria orgulhoso! Mesmo não concordando em nada, mas em nada mesmo, com a decisão do roteiro sobre esse merdinha aí, tenho que admitir que o ator mandou muito bem.

Resultado de imagem para the last kingdom season 3 aethelwold

Agora a série tem um orçamento bem maior já que essa nova temporada está sendo produzida inteiramente pela Netflix, isso ajudou demais na produção de cenas mais fodásticas como as batalhas, e  na grandiosidade das paredes de escudos, a passagem de tempo ainda pode gerar uma pequena confusão por passar semanas de uma cena para a outra mas nada que atrapalhe a experiência, exceto uma mudança que me irritou profundamente, sei que estou sendo repetitivo sobre isso, mas o ódio é grande!!!

No geral a temporada foi muito boa e vale muito a pena assistirem, as três temporadas já estão disponíveis na dona Netflix, eu até daria cinco Flavitos para a temporada, porém, sou um grande fã dos livros, tenho todos e cada um eu li em menos de dois dias de tão bem escrita e desenvolvida que é a história, então quando os produtores tem um conteúdo tão foda nas mãos me emputece ao extremo suas decisões de alterar coisas para criar alguns subterfúgios de roteiro que no final das contas não fazem a menor diferença além de cagar uma boa história, quando vocês assistirem a temporada e caso também sejam fãs dos livros vão entender o que estou falando, por conta disso minha nota para a temporada é apenas UM FLAVITO!!! Ela é cinco, mas vou dar um, se eu pudesse fazer um quadrado com quem fez a cagada, sem dúvidas eu faria! Mas sabem como é, o “Wyrd bið ful ãræd!” o destino é inexorável!

A série é 5, mas minha nota é um!

Deixe seu Comentário

  1. PjResponder

    Eu detestei a história do protagonista, não passa de cão que segue ordem, e ainda não ser um viking bolado